-->


08 fevereiro 2017

RESENHA - NO RITMO DO PRAZER - CAROL CAPPIA


Livro: No Ritmo do Prazer
Autor: Carol Cappia
Ano: 2016
Livro Físico

Sinopse: Patrícia Silva já sofreu uma grande desilusão em seu passado e isso lhe custou caro. Mudou-se de sua cidade natal para reconstruir sua vida, deixando enterrado lá o seu passado. Mas as coisas às vezes não saem como planejado. O passado está de volta em sua vida e ela terá que encará-lo, mas, será que ela mudou mesmo a ponto de resistir às tentações e esquecer toda a dor que sentiu? Marco Santana, assim como Patrícia, também tem um passado enterrado. Atualmente é sócio de uma boate, sua vida se resume à diversão e mulheres, coisa que consegue fácil. Bonito e rico, é um prato cheio para elas. Até que um amigo o apresenta a Paty, ela mexe com seus sentidos e provoca sentimentos que há muito ele não sentia. Mas ao tentar se aproximar dela, leva o maior fora de sua vida. Não um fora qualquer, ela o odeia com todas as forças. E Marco nem ao menos sabe o motivo. Mas ele não desiste fácil e irá fazer de tudo para domar a fera.


Voltei com mais uma resenha fresquinha para vocês! A resenha de hoje é de um livro MARAVILHOSO, e é de uma pessoa muito especial para mim e pra toda equipe do nosso Divã!!!!

Bom vamos deixar de papo e vamos ao que interessa... A Resenha.

Vou começar a falar de Patrícia. (uma moça na primeira parte do livro) Sonhadora que acreditava em príncipes encantados.... Por seu jeito ingênuo ela acaba se apaixonando por uma pessoa que no início parecia ser a realidade de todos os seus sonhos.

Ela se envolveu às escondidas com Marco, que por ser um homem mais velho não foi bem aceito pelos seus pais. Ai... Ai... Patrícia se tivesse escutado seus pais não teria sofrido tanto, mas como é vivendo e aprendendo.... Caindo que se aprende a levantar...

O conto de fadas da Paty (vou chamá-la assim, porque já sou íntima) começa a desmoronar quando ela descobre que esta grávida de Marco, a bobinha vai toda feliz contar para seu “amor” que agora eles poderiam se casar e ficarem juntos.

Marco fica louco pede para ela tirar a criança, mas quando vê que ela não irá fazer isso o que ele faz? Muda de tática, fala que a ama e que terão sim o bebê. Mas aí o que acontece??? Acho que vocês já sabem ne??? Isso mesmo o crápula abandona a Paty grávida.
Ela fica triste. Chora, fica triste de novo, mas resolve continuar sua vida pelo seu bebê.

Ela vai vivendo sua vida, até que um belo dia (que de belo não tem nada) Paty está tomando um café depois de fazer uma visita de rotina ao médico, ela vê Marco, o maldito junto com uma mulher loira. Fica cega de ódio e vai atrás para tirar satisfações. Como desgraça pouca é bobagem e Paty deve ter tacado pedra na cruz, ela atravessa a rua, mas não vê o carro que vem em sua direção e a acerta em cheio.

Até aqui já chorei demais, pois como devem ter imaginado, ela perde seu bebê, sua única motivação de viver. Depois de sofrer muito Paty resolve mudar de ares e continuar sua vida, mesmo que pela metade. Ela se muda para São Paulo para estudar.

Aqui já estamos na segunda parte da história e vamos conhecer uma Patrícia mais forte, mais determinada, embora uma mulher muito machucada. Paty começa a estudar, fez uma amizade com Lucy que depois virou sua melhor amiga.

Por melhores amigos fazemos muitas coisas né? E Paty não é diferente, e vai ser por ajudar Lucy que a vida dela vira de ponta a cabeça de novo. Aguenta coração que são muitas emoções...

Para ajudar Lucy com o vizinho, Paty consegue ingressos com um amigo da inauguração de uma boate. E lá vão as duas para essa boate. A amiga se deu bem, conseguiu fisgar o vizinho, mas Paty reencontra seu pesadelo. 

Marco é um dos donos da boate. 

Ela, lógico foge dele, mas com uma dúvida que a deixou puta de ódio. Como o filho da mãe não se lembrava dela? Será que Patrícia foi uma pessoa tão insignificante assim para ele?

Marco é um homem que também tem seus fantasmas, depois de pegar sua noiva na cama com seu irmão e descobrir que o filho que ele já amava e considera como seu era de outro, ele se fechou para as mulheres...

Até ver ela!

Mas por que ela o odiava tanto? Era isso que Marco vivia se perguntando...

E então, ficaram curiosos??? 

Por que será que Marco não se lembra de Paty?

 Eu já sei a resposta, e vou dizer para vocês. NUNCA! Nunquinha poderia imaginar isso...

Estou aqui só aguçando a curiosidade de vocês né? Então corram para ler esse livro fascinante, dramático, misterioso, apaixonante, sexy...

Tem de tudo um pouco nele. Certeza que irão amar!


Beijos da Larih

Um comentário:

  1. Aí meu Deus...
    Sem palavras, simplesmente maravilhosa a resenha e a supresas.
    Amo demais vocês meninas, obrigada por tudo..
    Amei...
    Amei...

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar...